"A matéria-prima do poeta é a palavra e, assim como o escultor extrai a forma de um bloco, o escritor tem toda a liberdade para manipular as palavras, mesmo que isso implique romper com as normas tradicionais da gramática.
Limitar a poética às tradições de uma língua é não reconhecer, também, a volatilidade das falas". (Autor Desconhecido)
Seja bem-vindo. Hoje é

domingo, 16 de dezembro de 2012

Amor intenso



Amor intenso 
 
Amo-te tanto, igual, amo a mim;
Amo-te na canção, numa poesia;
Um amor similar, nunca vi assim
Consome-me inteiro todos o dias.
 
Amo-te na alegria e na tristeza,
Perto ou distante, com você estou
Digo-te, com convicção e certeza 
Que minh’alma por ti se encantou.
 
Amo-te hoje, bem mais que ontem 
Hoje menos que amanhã te amarei
Um amor imenso decifrar nem sei.
 
Amo-te dormindo e acordado,
Amor cada vez é mais intenso
De deixar o coração suspenso. 
 
Ataíde Lemos
Escritor&Poeta

3 comentários:

Ivete Briz&Poesia disse...

Oii Nobre Poeta e Amigo Ataíde!Passandúh para parabeniza-lo pelo seu bonitO eh encantador versejar.Falar de amor é algo sublime,lindo de se viver/♥.Parabéns por tão bela obra!Meus Carinhos...


___________-Ivete Briz♥

Edna Fialho disse...

Bonito trabalho. Sempre nos obsequiando com belos textos. Deus continue te abençoando. Bjus n'alma.

MARIA CATHERINE RABELLO disse...

QUE VENHA 2013!!!

Para o Ano de 2013 Desejo: Amor,Paz, Alegria e união,para você e sua família.

Feliz Vida! Beijos!

Direitos Autorais

Os direitos autorais são protegidos pela lei nº 9610/98, violá-los é crime estabelecido pelo artigo 184 do Código Penal Brasileiro.
Todas as imagens, postadas aqui foram retiradas da Internet e por esse motivo suponho ser do domínio público. No caso em que haja algum problema ou erro com material protegido por direitos autorais, a quebra dos direitos de autor não é intencional.



Seu IP foi registrado - Grato pela visita!

IP