"A matéria-prima do poeta é a palavra e, assim como o escultor extrai a forma de um bloco, o escritor tem toda a liberdade para manipular as palavras, mesmo que isso implique romper com as normas tradicionais da gramática.
Limitar a poética às tradições de uma língua é não reconhecer, também, a volatilidade das falas". (Autor Desconhecido)
Seja bem-vindo. Hoje é

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Dê livros de presente


Gostaria de trazer uma reflexão àqueles que gostam de literatura: estamos aproximando do Natal; um tempo onde há confraternizações, amigos secretos, trocas de presente, etc. Todos são de comum acordo que a venda de livro no Brasil é aquém, sendo assim, porque não presentear os amigos ou mesmo dando a si de presente um livro?

Mas seria algo diferente, não é apenas dar um livro, mas sim, promover tantos escritores, poetas que estão no anonimato, desta forma, estará contribuindo para enriquecer a nossa literatura, pois há grandes autores brasileiros desconhecidos por grande maioria da sociedade.

Aqueles que participam de sites de relacionamentos, como o orkut por exemplo, conhecem tantos bons escritores, poetas, no entanto, estes mantêm se no anonimato em termos de Brasil, pois a maioria deles não conseguem alcançarem a visibilidades de seus trabalhos, infelizmente, a mídia que questiona tanto a educação, não abre espaço em suas grades de programação à cultura literária, ou seja, não abrem espaços em suas programações para que a literatura seja renovada, sendo a expoente de novos autores e assim, ficamos sempre tendo apenas escritores de outros séculos como referencia, sem a atualização da literatura brasileira e desta forma, os escritores estrangeiros acabam sendo os preferidos pelos leitores, empobrecendo a cultura literária.

Muitos escritores que publicam seus livros de forma independente têm seus belos trabalhos em caixas e mais caixas guardados por falta de vendas, consequência pela falta de divulgação midiática? É muito caro produzir livros para manterem guardados, isto leva grandes escritores não publicarem seus trabalhos.

Convido você amigo (a) a mudar esta história presenteando com livros, mas de escritores que você conhece a qualidade, no entanto, ainda não conquistaram seus espaços, desta maneira, eles tornarão conhecidos e a literatura enriquecerá.

Gostaria de fazer uma observação me usando como referência, pois sei que esta é a realidade de muitos escritores e poetas neste Brasil.

Tenho 4 livros publicados; 2 sobre drogas, 2 de poesias e estarei lançando o 5º sobre vendas, somente estou publicando por 2 fatores: sou teimoso e acredito no meu trabalho literário, pois infelizmente a venda é muito fraca, é desestimulante. Portanto, convido você a mudar esta realidade, dando livros de presente.

(Ataíde Lemos)

2 comentários:

REGGINA MOON disse...

Ataíde,

Concordo plenamente com voce em tudo o que muito bem expressou nesse seu texto, pois convivo muito com esse mundo da literatura, e sei das imensas dificuldades que os poetas encontram...

Dar livros de presente é sempre uma escolha certa!

Beijos....Reggina Moon

Cleunir Bueno disse...

ADORO RECEBER TUAS POESIAS OBRIGADO POR ME ENVIAR BJSS

Direitos Autorais

Os direitos autorais são protegidos pela lei nº 9610/98, violá-los é crime estabelecido pelo artigo 184 do Código Penal Brasileiro.
Todas as imagens, postadas aqui foram retiradas da Internet e por esse motivo suponho ser do domínio público. No caso em que haja algum problema ou erro com material protegido por direitos autorais, a quebra dos direitos de autor não é intencional.



Seu IP foi registrado - Grato pela visita!

IP