"A matéria-prima do poeta é a palavra e, assim como o escultor extrai a forma de um bloco, o escritor tem toda a liberdade para manipular as palavras, mesmo que isso implique romper com as normas tradicionais da gramática.
Limitar a poética às tradições de uma língua é não reconhecer, também, a volatilidade das falas". (Autor Desconhecido)
Seja bem-vindo. Hoje é

sábado, 12 de setembro de 2009

O Homem e seus mundos











Há dois mundos distintos que o Homem vive
Um é o social. Enfim é o convencional
O outro está oculto dentro de seu Ser
Vivido intensamente em seu emocional.

Estes mundos, por vezes, são conflitantes
Pois é comum desejarem opostos caminhos
Mas como não conseguem viverem sozinhos
Faz com que o Homem se perca a todo instante.

No mundo existente, porém oculto no Ser
Moram as fantasias, os sonhos; abriga a ilusão
Originando um prazer que dá vida ao coração.

No mundo sustentado pelas convenções
Embora se conheça como o mundo real
Na verdade, é vivido de representações.

Ataíde Lemos

3 comentários:

Vera Lúcia disse...

Ataide, seu soneto revela a hipocrisia das conveções, representações e imposições de uma sociedade burguesa, que vive de falsas aparências e de interesses mesquinhos. Mas o Espírito é livre, o coração é terra onde ninguém pisa e o pensamento não pode ser controlado e imposto, assim sendo, no âmago de nossa alma podemos ser livres, sonhar e vislumbrar uma felicidade que "dá vida ao coração".

Sonia Schmorantz disse...

Um poema existencial, bem real...Uma coisa é o ser social, que segue regras, outra é o ser que habita em nós e que rege as nossas emoções mais autênticas.
abraço, bom domingo

tekyla disse...

Sabe amigo, através de seus e-mails tenho lido voce, de forma eclética voce dispara seus corcéis sem rumo, adentrando pela imensidão das pradarias de sua existência a imensidão do infinito que leva-o para o etéreo. Feliz de quem mergulha na essência de seu eu e faz espargir a luz em tantas direções. Que Deus te embale sempre os pensamentos e te dê mais asas para voar do nada ao tudo, ao todo. Parabens.Abraços.Tereza Fernandes.

Direitos Autorais

Os direitos autorais são protegidos pela lei nº 9610/98, violá-los é crime estabelecido pelo artigo 184 do Código Penal Brasileiro.
Todas as imagens, postadas aqui foram retiradas da Internet e por esse motivo suponho ser do domínio público. No caso em que haja algum problema ou erro com material protegido por direitos autorais, a quebra dos direitos de autor não é intencional.



Seu IP foi registrado - Grato pela visita!

IP